Rua Coutinho e Melo, 18 (11)3808-9993(11) 96362-5253

REDUZA A PARCELA DO SEU VEÍCULO EM ATÉ 40%! QUITE SEU VEÍCULO COM ATÉ 70% DE DESCONTE! FALE CONOSCO AGORA!

Weintraub: Mudança na data de demissão ‘confirma fraude’, diz TCU – Política – iG

Home » Blog » Weintraub: Mudança na data de demissão ‘confirma fraude’, diz TCU – Política – iG

Weintraub: Mudança na data de demissão

Weintraub  EXONERAÇÃO Jorge William / Agência O Globo Weintraub afirmou, ao deixar o MEC, que “vou poder ter a segurança que hoje tá me deixando muito preocupado”. Ele é investigado pelo STF

A mudança na data de exoneração do ex-ministro Abraham Weintraub , nesta terça-feira (23), confirmou a suspeita de fraude, na visão do subprocurador-geral do Tribunal de Contas da União (TCU) Lucas Furtado. “Antes, era ilegal e parecia haver fraude. Agora, confirmou”, disse ao Estadão.

Leia também:

Como a exoneração só foi publicada, inicialmente, após Weintraub chegar nos EUA, há a suspeita de que o ex-ministro da Educação tenha usado seu cargo no governo para conseguir driblar as restrições de viagens e desembarcar no país – onde brasileiros não estão sendo recebidos, por causa da pandemia. Nesta terça, a data da exoneração foi alterada para sexta, antes do ministro viajar.

O subprocurador do TCU solicitou nesta segunda-feira (22) que a Corte de Contas analise se a ida de Weintraub aos Estados Unidos , antes de ser publicado sua exoneração , teve auxílio do Itamaraty – o Ministério das Relações Exteriores.

“Se houve o emprego de valores públicos em qualquer fase desta viagem , esses recursos foram indevidamente empregados e deverão ser ressarcidos ao erário”, afirma o subprocurador.

Weintraub é alvo de alguns inquéritos do Supremo Tribunal Federal (STF), sendo investigado por racismo e por ataques contra a corte. Ao anunciar sua saída do MEC , ele afirmou que “vou poder ter a segurança que hoje tá me deixando muito preocupado”.

“Em uma questão tão sensível, não se pode falar em mero erro”, afirmou. Ele também defende que a Procuradoria-geral da República analise o caso da viagem de Weintraub .

Fonte: ultimosegundo.ig.com.br/politica/2020-06-23/mudanca-na-data-de-demissao-de-weintraub-confirma-fraude-diz-tcu.html

Deixe uma resposta